Ir para conteúdo

Notícias

ICI completa 26 anos de inovação e cuidado com as pessoas

Marca histórica celebra a contribuição do Instituto para a sociedade

No último sábado, 1º de junho, o Instituto das Cidades Inteligentes (ICI) completou 26 anos de sua criação. Fundado com a missão de apoiar a Prefeitura Municipal de Curitiba na adoção e uso efetivo de tecnologia da informação na gestão, o ICI se tornou referência nacional no desenvolvimento de projetos e soluções focadas na transformação digital da gestão pública.

Com uma história pautada pela inovação e o compromisso de conectar cidades e pessoas por meio da tecnologia, a atuação tão presente na capital paranaense se expandiu no Paraná e em outros estados brasileiros, como São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina e Goiás. Hoje, os serviços prestados pelo ICI alcançam mais de 10 milhões de cidadãos.

“Celebramos mais um aniversário com muita alegria. Temos realizado grandes projetos e seguiremos trabalhando para garantir uma excelente prestação de serviços aos nossos clientes, sempre cuidando de nossa equipe” comenta o diretor-presidente do ICI, Alexandre Gedanken.

São mais de 200 soluções desenvolvidas e implantadas que envolvem sistemas de informação, portais, aplicativos e serviços de infraestrutura voltados para diferentes áreas da administração pública, como atendimento ao cidadão, educação, saúde, segurança pública, tributária, entre outras.

Essa inteligência fornecida pelo Instituto tem sido um dos principais pilares para o sucesso da Prefeitura de Curitiba, premiada durante o Smart City Expo World Congress 2023, em Barcelona, e já reconhecida pela implantação da primeira rede de internet pública do Brasil, em 2004, o melhor portal de transparência do país, em 2015, e pelo desenvolvimento do aplicativo Saúde Já, em 2018.

“As soluções do ICI evidenciam o ganho de eficiência e inovação ao município, seguindo por um caminho de automatização de processos e digitalização dos serviços públicos”, diz o diretor de Infraestrutura e Operações do Instituto, Fernando Matesco.

Tecnologia que acompanha tendências

Mais que auxiliar na execução de um modelo de governança, o Instituto tem desenvolvido soluções com tecnologias modernas. Seja com uso de Inteligência Artificial, Internet das Coisas (IoT), visão computacional, aprendizado de máquina, todas as soluções têm entregado mais eficiência, modernidade, agilidade, transparência e economia aos cofres públicos.

A mais recente é a Gestão Municipal de Serviços Urbanos e Zeladoria, que identifica e realiza abertura de chamados para as equipes da administração local resolverem problemas na malha viária e espaços públicos dos municípios. Por meio de câmeras e sensores instalados em veículos das prefeituras ou de aplicativos, a ferramenta monitora a situação das ruas da cidade, avalia o pavimento e reconhece elementos como buracos na via, lombadas, placas de sinalização, tampas de bueiros, vegetação nas calçadas e até a eficiência da iluminação pública.

Outra solução de notoriedade é o sistema de Gestão da Saúde disponibilizado para a Prefeitura de Curitiba. Com aplicativo para a população e um conjunto de ferramentas e recursos, a plataforma integra centenas de pontos de atendimento e possibilita realização de teleatendimento ou videochamada para a Central Saúde Já. O sistema tem sido fundamental para evoluir e alavancar as políticas públicas de saúde no município, inclusive com Business Intelligence (BI), que contribuem para uma atuação mais efetiva frente às necessidades da população.

Cuidado com as pessoas

Além da tecnologia de ponta, a trajetória do ICI é marcada por seus processos, metodologias e cuidado com as pessoas, visando um ambiente saudável e de oportunidades. O trabalho realizado por mais de 700 profissionais diretos e indiretos é pautado pela ética, inovação, colaboração e aprendizado contínuo.

No ano passado, por meio do programa Gente&Gestão, o Instituto realizou o maior investimento de sua história em ações de desenvolvimento profissional dos colaboradores, com 16.300 horas de capacitação. Essa e outras iniciativas de gestão de pessoas já resultaram em seis certificações ao ICI de Excelente Empresa para Trabalhar, concedida pela consultoria global Great Place to Work – GPTW®.

“Nosso maior ativo são as pessoas, que transformam todo dia a vida de milhares de cidadãos com as ferramentas desenvolvidas no Instituto, sempre com muita dedicação e comprometimento”, declara o diretor Administrativo e Financeiro, Marcelo José de Araújo Prado.

Responsabilidade social e ESG

Outro ponto de destaque na jornada do Instituto é sua atuação de maneira proativa na promoção de ações de responsabilidade social e ESG (sigla em inglês que significa Meio Ambiente, Social e Governança), utilizando a tecnologia da informação como ferramenta para promover inclusão digital e social.

O ICI mantém práticas que reforçam esse compromisso, como a adesão ao Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU) e o periódico envio de relatório com descrição de suas iniciativas à entidade. No documento são destacados vários projetos, como o Wi-Fi Curitiba, Justiça no Bairro, coleta de lixo eletrônico, entre outros.

Essas ações estão alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU de Erradicação da Pobreza; Emprego Digno e Crescimento Econômico; Redução das Desigualdades; Consumo e Produção Responsáveis; e Paz, Justiça e Instituições Fortes.

“Por ser uma organização social, o ICI deve contribuir e estimular impactos positivos na sociedade, economia e meio ambiente. Os valores e o propósito do ICI estão refletidos em todas as nossas iniciativas de responsabilidade social”, comenta o diretor Jurídico e Compliance do ICI, Alexandre Scolari.