Ir para conteúdo

Notícias

Representantes da Procuradoria-Geral do Estado vêm ao ICI

Procurador-chefe da Coordenadoria de Gestão Estratégica e Tecnologia da Informação conhece a solução eGPJ

 O Instituto das Cidades Inteligentes (ICI) recebeu na quarta-feira (21) o procurador-chefe da Coordenadoria de Gestão Estratégica e Tecnologia da Informação da Procuradoria-Geral do Estado do Paraná, Guilherme Soares. Ele e o servidor Jean Marcel Vosch conheceram a solução eGPJ – Gestão de Processos Judiciais Eletrônicos.

“Viemos ver a solução que o ICI desenvolveu e fornece para outros órgãos da advocacia pública e que suporta as atividades de procuradorias de estados e municípios”, comenta o procurador-chefe. “Parece um trabalho muito aderente às necessidades das procuradorias, com uma ferramenta bastante promissora para dar suporte à evolução e o desenvolvimento das atividades nesses órgãos públicos”, completa.

A plataforma eGPJ centraliza e integra em um único ambiente as demandas e atividades de responsabilidade dos procuradores municipais, além de contar com uma inteligência artificial inserida na plataforma. Denominada IA Themis, em referência à deusa da justiça na mitologia grega, a aplicação é responsável por realizar peticionamentos automáticos de diversas ações judiciais baseados em padrões anteriores encaminhados pelos procuradores e regras sistêmicas predefinidas.

“Essa solução foi criada para gerenciar o grande volume de processos judiciais e outras demandas das procuradorias-gerais dos municípios em uma única ferramenta”, comenta o coordenador de Sistemas Departamentais e líder do projeto no ICI, Felipe Rezende.

Rogério Mendes Pereira Junior, da Assessoria de Relações Institucionais e de Mercado do ICI, recepcionou os visitantes e ressaltou a importância do encontro: “Explicamos sobre nossa atuação com o poder público municipal e também com outros órgãos da administração pública. Nossa missão é prover soluções tecnológicas, inteligentes, inovadoras e orientadas a dados, para evolução da gestão pública”, diz.

O eGPJ já está presente nos quatro municípios mais populosos do Estado do Paraná: Curitiba, Londrina, Maringá e Ponta Grossa, além da cidade de Uberlândia, em Minas Gerais.